BOM DIA

BEM VINDOS AOS BLOGS DOS

INTERNAUTAS MISSIONÁRIOS

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS, MAS RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES. CRISTÃS OU NÃO.

CATEQUESE PELA INTERNET

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PESQUISAR NESTE BLOG - DIGITE UMA FRASE DE QUALQUER EVANGELHO

15 de jan de 2012

Segue-me - Alexandre Soledade


 

Bom dia!

Ao refletir o evangelho de hoje voltamos a insistir nesse parágrafo:

"(…) Investir, com afinco, na animação bíblica da pastoral e em agentes e equipes leva à instituição e à formação continuada dos ministros e ministras da Palavra [...]; com capacitação não apenas bíblica e litúrgica, mas também técnica. Especial atenção merece a homilia que precisa ATUALIZAR A MENSAGEM DA BÍBLIA DE TAL MODO QUE OS FIÉIS SEJAM LEVADOS A DESCOBRIR A PRESENÇA E A EFICÁCIA DA PALAVRA DE DEUS, NO MOMENTO ATUAL DE SUA VIDA". (§97 Doc 94 CNBB – Diretrizes Gerais 2011-2015)

Para convencer André e João, Jesus usou muito mais que apenas palavras. Além de serem indicados por João Batista, algo mais os encantou a segui-lo. O que seria? "(…) Venham ver! – disse Jesus"

A pergunta para essa resposta foi: Mestre aonde moras? Parece simples a resposta, mas vai muito mais além disso.

Muita gente ainda hoje busca a Deus na hora das dificuldades e aflições e muitos mais que uma simples resposta de qual é o problema, pois muitas vezes já sabemos qual é, Jesus oferece o conforto e a solução para o problema. Muito mais que o "sermão", Deus oferece algo que se sintetiza no "venham ver" de Jesus.

Aquele que esta triste, abatido, desesperançoso talvez não se convença com "momentos" ou pregações cheias de sentimentalismos, no entanto vazias. O que talvez mude sua vida é de fato sentir o conforto que vem do alto, que de fato a farão se sentir acolhida como canta Walmir Alencar naquela canção que narra o filho pródigo. Talvez seja isso que a CNBB chame de eficiência e eficácia da Palavra de Deus.

Ontem, duas mulheres testemunhas de Jeová passaram aqui em casa e ao fim da conversa ficaram meio que assombradas pelo fato de eu ter dado atenção para elas mesmo eu dizendo ter uma outra religião. Deram-me aquela revista que carregam consigo, a paz e partiram recebendo de mim um "vão em paz e que Deus as acompanhe". Sorridentes acenaram e partiram. Pergunta: Como é que normalmente elas são recebidas?

Não! Elas não conseguiram mudar minha religião, mas creio que semeei a esperança em suas vidas. A mensagem que traziam era de preocupações com o mundo e que deveríamos nos preparar para os sinais dos tempos. Falavam de terremotos, desastres naturais, o desamor entre as pessoas, mas saíram da minha casa acreditando que ainda vale à pena acreditar no mundo.

Méritos pra mim? Claro que não! Como diria João Batista ao falar de Jesus: "(…) Aí está o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo! Eu estava falando a respeito dele quando disse: Depois de mim vem um homem que é mais importante do que eu, pois antes de eu nascer ele já existia".

Aquele que vem a missa aos domingos merece ser tratado como ser único para Deus e não confundamos isso com "paparicos", mas com a qualidade de nosso serviço, pois como vimos hoje, quem convenceu Pedro foi André, e só seremos igreja de verdade se meu jeito de ser conseguir convencer aos que me cercam que de fato conheci Jesus. "(…) Achamos o Messias. ("Messias" quer dizer "Cristo".)"

Um imenso abraço fraterno.

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário