BOM DIA

BEM VINDOS AOS BLOGS DOS

INTERNAUTAS MISSIONÁRIOS

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS, MAS RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES. CRISTÃS OU NÃO.

CATEQUESE PELA INTERNET

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PESQUISAR NESTE BLOG - DIGITE UMA FRASE DE QUALQUER EVANGELHO

2 de jan de 2012

“Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo”.- Padre Antonio Queiroz

 

 

João Batista aponta para Jesus e o chama de "Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo".

No Antigo Testamento, os sacerdotes ofereciam cordeiros em sacrifício pelos pecados do povo. Matavam o animal, recolhiam seu sangue numa vasilha e o queimavam no Altar dos Sacrifícios. Não era só cordeiro, ofereciam também bodes. Se o pecado era muito grande, ofereciam um touro.

Diz a Carta aos Hebreus: "É impossível eliminar os pecados com o sangue de touros e bodes." Por essa razão, ao entrar no mundo, o Cristo declara: 'Não quisestes vítima nem oferenda, mas formaste um corpo para mim. Não foram do teu agrado holocaustos nem sacrifícios pelo pecado. Então eu disse: "Eis que eu vim, ó Deus, para fazer a tua vontade" (Hb 10,4-7).

Aquelas ofertas de animais pelos pecados valeram como preparação do povo para receber Jesus. O seu sangue sim, apagou os nossos pecados, todos os pecados de todos os seres humanos de todos os tempos. Até os nossos pecados futuros já foram apagados por Cristo. Da nossa parte fica apenas o pequeno trabalho de "apertar o botão", para que esse perdão venha até nós.

E nós nos perguntamos: Por que as pessoas vivem com sede, ao lado desta fonte cristalina? Talvez faltem profetas como João Batista, para apontar com o dedo e dizer: "Eis aí o Cordeiro de Deus. Ele é melhor do que eu".

Certa vez, um rapaz estava andando numa praia, antes do dia amanhecer, e viu no chão, apesar de estar escuro, um saquinho cheio de pedrinhas. É alguma criança que ajuntou isso ontem, pensou.

Pegou o saquinho e, caminhando, começou a jogar as pedrinhas, uma a uma, no mar. Quando o dia clareou, havia apenas uma no saquinho.

Foi aí que ele, observando, viu que era diamante! Algum garimpeiro certamente havia perdido o saquinho ali.

Que pena! Agora não dá para recuperar as que ele havia jogado no mar!

Jesus, este presente que ganhamos no Natal, é como um saquinho de diamantes. Que não o desperdicemos!

Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.

Maria Santíssima é modelo para nós no acolhimento ao Cordeiro de Deus.

Peçamos a ela que nos ajude a nos enriquecer com esse tesouro, e a distribuí-lo para os outros.

 

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário