BOM DIA

BEM VINDOS AOS BLOGS DOS

INTERNAUTAS MISSIONÁRIOS

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS, MAS RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES. CRISTÃS OU NÃO.

CATEQUESE PELA INTERNET

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PESQUISAR NESTE BLOG - DIGITE UMA FRASE DE QUALQUER EVANGELHO

16 de set de 2011

O terreno bom é aquele coração que se deixa tocar pelo Espírito Santo. A semente é sempre uma só, a Palavra de Deus –Maria Regina.



                            A parábola conta que nas quatro situações em que a Palavra foi anunciada, as pessoas ouviam, mas só deu fruto de perseverança aquele que OUVIU com um coração bom e generoso. O terreno bom é aquele coração que se deixa tocar pelo Espírito Santo. A semente é sempre uma só, a Palavra de Deus. Não basta somente para nós o estar presente e escutar. O mais importante é ter um coração largo, que não questiona e que acolhe a mensagem de Deus. A situação do terreno faz toda a diferença no plantio. Porém, se não houver cultivo, a semente morre. O coração que não tem profundidade é superficial e não consegue alcançar a Palavra de Deus.
                      O coração preocupado com os afazeres da vida, também é solo impróprio para entender os mistérios de Deus. Um coração preso a si mesmo e aos sofrimentos é chão inútil para que germine algo frutífero. Deus conhece todos os corações, e sabe o que é providencial para cada um de nós. Ele nos instrui e orienta por meio da Palavra que sonda e perscruta o nosso íntimo e ilumina a nossa inteligência. Quando nós abrimos os ouvidos o nosso entendimento também se alarga e nós podemos, com toda a certeza, dar frutos que possam alimentar o mundo. Reflitamos:– Como é o terreno do seu coração? – Você duvida da Palavra de Deus? – Você costuma discordar quando alguma mensagem vem de encontro aos seus interesses? – Como você tem acolhido a palavra de Deus. Como uma história ou como ensinamento para a vida? -Você também semeia? E quando o terreno não é bom, dá trabalho o que você faz, desiste ou insiste?
Amém
Abraço carinhoso
Maria Regina 

Nenhum comentário:

Postar um comentário