BOM DIA

BEM VINDOS AOS BLOGS DOS

INTERNAUTAS MISSIONÁRIOS

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS, MAS RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES. CRISTÃS OU NÃO.

CATEQUESE PELA INTERNET

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PESQUISAR NESTE BLOG - DIGITE UMA FRASE DE QUALQUER EVANGELHO

Carregando...

31 de out de 2011

Jesus veio fazer a vontade do Pai – Claudinei

"A  serviço do Pai" – Claudinei M. Oliveira
       
Quarta - feira, 02 de novembro de 2011.
                                     
Evangelho –  Jo  6,37-40
    

            O evangelista João declara a sua comunidade que os passos de Jesus são os  maiores exemplos a serem seguidos. Por onde passava semeava palavras que enalteciam os seguidores, enchia de esperança  quem sonhava com realidades diferentes, onde o filho de Deus partilhasse a bondade e o amor. Cumpriu fielmente a missão do Pai, mesmo sendo tentado a tomar atitudes diferentes, conteve nas metas de levar vida e dignidade para os irmãos.

            Ao afirmar para a multidão que  desceu do céu para fazer a vontade daquele que me enviou e não para fazer a minha própria vontade, Jesus assegurava a certeza de que Ele estava a serviço do bem-comum.  A vontade de Quem enviou para semear palavras de pura libertação contradizia o modo de vida da maioria do povo que cercava os templos e os palácios.  Por isso Jesus com vigor nas expressões disse: E a vontade de quem me enviou é esta: que nenhum daqueles que o Pai me deu se perca, mas que eu ressuscite todos no último dia. Pois a vontade do meu Pai é que todos os que vêem o Filho e crêem nele tenham a vida eterna; e no último dia eu os ressuscitarei. 


            A vontade de nosso Deus ainda perdura. Muitos filhos ainda não encontraram o Pai que Salva e Liberta. Muitos ainda persistem nos caminhos que levam a morte, a dor, a destruição, a maldade e a vida da perdição. São pessoas que não reconheceram em Jesus a persona do Filho do Deus vivo. Ainda não sabem que Jesus já pisou na terra para arrancar todo o mal, toda a desgraça que destrói a pessoa.

            O Filho do Homem nasceu pobre, lutou contra o demônio dos templos de Jerusalém, apontou projetos de vida sem limite, morreu pelas mãos dos homens que não enxergaram a nova proposta. A morte de Jesus é um exemplo de bondade para com seu povo, isto quer dizer: morri para libertar meus irmãos em nome de Nosso Pai que está no céu.

            É preciso acreditar! É preciso viver a Sagrada Escritura! É preciso ter fé! É preciso amar de todo o coração. Portanto, é preciso enxergar Jesus como Filho do Criador da vida que almeja vida plena para todos.

            Que nenhum filho se perca pela vida afora por desconhecer o rosto milagroso de Jesus. Cabe a nós levarmos para as pessoas que ainda desconhecem a figura eterna de nosso Deus. Temos este compromisso com nossa igreja. E a certeza de que junto com o Pai morreremos para o pecado, mas nasceremos para a vida da graça em nosso Senhor Jesus Cristo. Amém!

-- 
Claudinei M. de Oliveira
Tenha a Paz de Cristo em seu Coração!

Nenhum comentário:

Postar um comentário