BOM DIA

BEM VINDOS AOS BLOGS DOS

INTERNAUTAS MISSIONÁRIOS

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS, MAS RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES. CRISTÃS OU NÃO.

CATEQUESE PELA INTERNET

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PESQUISAR NESTE BLOG - DIGITE UMA FRASE DE QUALQUER EVANGELHO

16 de fev de 2012

A parábola do filho pródigo - Sal



DIA
10 de março


Lc 15,1-3.11-32

Então o padre pronunciou o seu sermão assim:  Prezados irmãos e irmãs. 
A parábola  do filho pródigo contada por Jesus Cristo,  acontece direto em nossos dias. Quantos de nós um dia não largou tudo e partiu pelos caminhos do pecado, das experiências mundanas, e até rezou dizendo a Deus que só queria experimentar o lado negro da vida, mas prometeu que voltaria.  E  então que foi descendo ao fundo do poço de tal forma que se sentiu como o filho pródigo, no submundo da sociedade, nos lugares mal cheirosos, e comendo aquela comida tão ruim quanto a lavagem dos porcos.
Neste momento quantas mães estão chorando pelo filho que ela criou com tanto carinho, até o levou para o catecismo, porém hoje no presídio, ele come aquela comida horrível parecida com a lavagem dos porcos. E aquela filha que um dia saiu de casa para morar com o namorado, ela até participou do grupo de jovens da sua paróquia. Mais hoje está sem marido, envelhecida, e com uma filha para criar, a qual ela deixa com a mãe, e cai na “gandalha”, balançando as penas nos bailes, como dizem suas vizinhas, só para conseguir outro namorado, pois não consegue mais ficar sozinha. 
            Filhos pródigos!  Muitos filhos pródigos estão andando agora pelas ruas, pelas boates, pelas casas noturnas, pelas cracolândias,  pelo submundo... 
E nem sempre é culpa dos pais. Pois muitos deles fizeram tudo certinho, fizeram tudo que deveriam fazer, encaminharam os filhos pela estrada certa, porém chegaram os amigos, as amigas e levaram seus filhos para o buraco!
            E você que está aqui agora assistindo esta missa, e vai até participara da Eucaristia, pode estar pensando. Bem isso nunca aconteceu e nem vai acontecer comigo. Será? Será que não tem nada de errado em sua vida? Você vem diariamente à missa, reza comunga e se considera uma pessoa do agrado de Deus. Porém, como vai o seu relacionamento com o seu marido? Com o seu filho? Com a sua sogra? Com o seu cunhado? Com o seu vizinho? Tem praticado a caridade mesmo, ou só tem dado umas moedinhas? Tem se preocupado com o sofrimento do outro? Ou diz. Isso é problema dele. Quem mandou entrar nessa vida?
            Prezados irmãos. Por mais santo que sejamos, tem sempre alguma coisinha precisando ser consertada ou acertada em nossa espiritualidade. Não vivamos com sentimento de culpas, porém, pensemos que a meta para a perfeição é inatingível totalmente. Por isso, precisamos nos converter diariamente, buscando a cada dia estar mais perto de Deus, para que assim, possamos encaminhar pela evangelização,  os nossos irmãos para Deus.
Sal. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário