BOM DIA

BEM VINDOS AOS BLOGS DOS

INTERNAUTAS MISSIONÁRIOS

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS, MAS RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES. CRISTÃS OU NÃO.

CATEQUESE PELA INTERNET

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PESQUISAR NESTE BLOG - DIGITE UMA FRASE DE QUALQUER EVANGELHO

28 de mar de 2011

O Senhor nosso Deus é o único Senhor. Ama-o - Padre Queiroz

 

Sexta-feira, 1 de Abril de 2011

Evangelho - Mc 12,28b-34

 


Neste Evangelho, Jesus, respondendo à pergunta de um escriba bem intencionado, explica que o "maior mandamento" na verdade são dois: O amor a Deus e ao próximo. Eles se entrelaçam de tal modo que ninguém consegue praticar um sem praticar o outro.

"Jesus respondeu: O primeiro é este: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração... E o segundo mandamento é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo!" A palavra "próximo" significa, evidentemente, aquele ou aquela que está perto, sem nenhum preferência de parentesco, raça, condição social etc.

Na verdade, trata-se de uma coisa só, pois o amor é uma realidade única, mas bidirecionada: para Deus e para o próximo. "Deus é amor: quem permanece no amor, permanece em Deus e Deus permanece nele" (1Jo 4,16).

Amar é uma experiência em que a alegria e o sofrimento andam de braços dados, a dor e o prazer se unem, a entrega e a renúncia se encontram, o dom e o compromisso se abraçam. Na experiência do amor, a vida e a morte se tocam e encontram seu verdadeiro sentido.

"Jesus, tendo amado os seus que estavam no mundo, amou-os até o fim" (Jo 13,1). É assim que o evangelista João começa a narrar a paixão e morte de Jesus. S. João quis dizer que aqueles gestos de Jesus, todos os seus sofrimentos, foram decorrências do seu amor.

Todos queremos ser amados. Quando não o somos, ficamos doentes. O amor é tão necessário a nós quanto a água para o peixe. Mas o amor é livre, e escapa a qualquer lei.

Como é mesquinho querer reduzir a vida à busca de bens materiais, de prazeres ou de poder! Tudo isso fenece como a flor do campo.

É o amor que traz alegria e gosto de viver. Para quem ama, não existe monotonia. Pode viver cem anos, que cada dia é novo. Pode ficar cem anos ao lado da mesma pessoa, que não se cansa. Cada dia, o relacionamento é novo, é diferente, como um filme. Isso porque o amor é infinito.

Devido ao pecado, a nossa vida é conflitiva. É uma luta entre o amor e o egoísmo, a ganância e a partilha, o perdão e a vingança, a violência e a paz.

E foi justamente nesse contexto que uma das Pessoas divinas se encarnou, para ser o caminho, a verdade e a vida. Em síntese, o que Jesus nos ensinou foi que devemos ser imagens de Deus que é amor.

É no seio familiar que o ser humano aprende a ser verdadeiramente humano. A experiência do perdão, da partilha, da correção, das alegrias e tristezas vividas em família forma o ambiente privilegiado e insubstituível para desenvolver a cultura da vida. Assim, a vinda de um novo ser, embora muitas vezes não sem dificuldades, encontra na família a acolhida esperada para seu bom desenvolvimento.

Certa vez, o encarregado de compras de uma rede de supermercados ficou sabendo que no dia seguinte o preço do feijão ia subir 20%. Imediatamente ele telefonou para um fazendeiro, que tinha muito feijão em estoque, e perguntou se ele lhe vendia um caminhão de feijão naquele mesmo dia. O fazendeiro concordou, mas o negócio ficou para ser fechado pessoalmente, quando o caminhão do supermercado chegasse à fazenda.

O fazendeiro contou para o seu filho, que estava no primeiro ano de administração. O rapaz disse: "Pai, eu vou à cidade e vou perguntar na cooperativa como que está a cotação do feijão. Não feche o negócio antes de eu lhe telefonar, certo?" O pai concordou.

Foi só o rapaz chegar à cooperativa, avisaram-lhe que no dia seguinte o preço do feijão ia subir 20%. Ele telefonou imediatamente ao pai e este telefonou ao encarregado de compras da rede de supermercados, cancelando o negócio.

O mundo capitalista não segue o Evangelho de Jesus. Se seguisse, a primeira coisa que o encarregado de compras da rede de supermercados faria era avisar o fazendeiro do aumento no dia seguinte, pois devemos amar o próximo como a nós mesmos e, se ele estivesse no lugar do fazendeiro, gostaria de saber da subida de preço na cotação do feijão, antes de fazer o negócio.

Por isso, nós cristãos, que vivemos no meio deste mundo pecador e explorador, precisamos estar de olhos abertos. "Sede prudentes como a serpente."

Campanha da fraternidade. A Igreja está intimamente ligada às pessoas, à sua história e aos acontecimentos que marcam a vida de todos. Fiel ao seu Fundador, ela luta por um Reino "da verdade, da vida, da graça da justiça, do amor e da paz".

Conforme a Bíblia, a única fonte da nossa segurança é o próprio Deus. Todos que colocam sua segurança em outras fontes não podem conhecer a segurança verdaeira.

Entretanto, Deus protege os seus através de mediações humanas, como os profetas e demais líderes das Comunidades cristãs.

Maria Santíssima cumpriu com generosidade esse mandamento bidirecionado do amor. Que ela nos ajude a fazê-lo também.

O Senhor nosso Deus é o único Senhor. Ama-o.

Padre Queiroz

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário