BOM DIA

BEM VINDOS AOS BLOGS DOS

INTERNAUTAS MISSIONÁRIOS

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS, MAS RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES. CRISTÃS OU NÃO.

CATEQUESE PELA INTERNET

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PESQUISAR NESTE BLOG - DIGITE UMA FRASE DE QUALQUER EVANGELHO

30 de mar de 2012

Procuravam prender Jesus – Missionários Claretianos




Sexta-feira, 30 de março de 2012

5ª Semana da Quaresma

Santos do Dia: Plínio de Pontecorvo (abade), Domnino, Vítor e Companheiros (mártires de Tessalônica), Fergo de Downpatrick (bispo), João Clímaco (abade), João de Puits (eremita em Kibistra), Leonardo Murialdo (presbítero), Mamertino de Auxerre (abade), Osburga de Canuta (abadessa, virgem), Pacífico de Werden (monge, bispo), Pastor de Orléans (bispo), Quirino (mártir de Roma, na Via Ápia), Régulo de Senlis (bispo), Régulo da Escócia (abade), Zózimo de Siracusa (bispo).

Primeira leitura: Jeremias 20,10-13
O Senhor está ao meu lado, como forte guerreiro.
Salmo responsorial: 17,2-7
Ao Senhor eu invoquei na minha angústia e ele escutou a minha voz.
Evangelho: João 10,31-42
Procuravam prender Jesus, mas ele escapou-lhes das mãos.

Os adversários já não suportam as palavras de Jesus e querem eliminá-lo. Ante a pergunta de Jesus pela razão de sua indignação, os adversários dizem que é por blasfêmia, por se considerar igual a Deus.
Não conseguem compreender que um homem humilde, camponês, simples, porém, com autoridade e coerência de vida, seja o rosto visível de Deus e que sua palavra que interpela e que mexe com a vida das pessoas, seja palavra de Deus. Por essa razão a intenção de eliminá-lo.
O mesmo se passou com muitos irmãos e irmãs que assumiram valores autênticos do evangelho, não como teoria ou discurso, mas como práxis, testemunho, ação transformadora da realidade pecadora, injusta e violenta em que a humanidade está submetida.
Quando as vozes proféticas da atualidade denunciam os regimes autoritários, corruptos e excludentes, então se tende a desqualificar e eliminar as vozes proféticas da religião. Assim como Jesus, os cristãos devem manter-se firmes em suas convicções e opções fundamentadas, firmes no evangelho do Reino.
Tornar presente o evangelho de Jesus no meio do povo é nossa missão e tarefa, que só alcançamos com a graça de Deus. Admiremos e apoiemos todos os que sofrem perseguições e martírio por sua coerência com o evangelho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário