BOM DIA

BEM VINDOS AOS BLOGS DOS

INTERNAUTAS MISSIONÁRIOS

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS, MAS RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES. CRISTÃS OU NÃO.

CATEQUESE PELA INTERNET

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PESQUISAR NESTE BLOG - DIGITE UMA FRASE DE QUALQUER EVANGELHO

27 de jun de 2011

As tempestades da vida- Nancy

28 de Junho: 3ª feira

Evangelho - Mt 8,23-27

"Quantas e quantas vezes nos encontramos no barco da vida e nos desesperamos sem saber que rumo tomar!" – Nancy

            Com Jesus toda tempestade pode se transformar numa calmaria. Com Jesus todos os atropelos cotidianos podem ser encarados apenas como um desafio a mais em nossa vida, bastando somente confiar e entregar tudo nas mãos d'Ele.

            É assim que São Mateus nos conforta neste evangelho de hoje, reiterando a presença viva de Jesus em nosso meio, em toda e qualquer situação.

            Podemos ler e reler sobre a admiração causada aos homens daquele tempo acerca da autoridade e poder do Mestre sobre a própria força da natureza, dominando-a.

            Sem sombra de dúvidas, aquela mesma admiração causada àqueles homens, seus discípulos, seria também a nossa, seus seguidores, diante das suas ações milagrosas nas turbulências da vida.

            Qual seria a nossa resposta à pergunta: "Quem é este homem, que até os ventos e o mar lhe obedecem?" Teríamos dúvidas ao respondê-la? Ou afirmaríamos ser Ele o senhor de nossa vida, Aquele enviado do Pai que morreu crucificado para nos redimir dos pecados; sendo Ele o nosso único Salvador e Redentor.   

            Quantas e quantas vezes nos encontramos no barco da vida, em mares agitados, e nos desesperamos sem saber que rumo tomar! Desprevenidos, não temos conosco bússola alguma para singrar os mares da vida! E aí gritamos pelo Senhor, como fizeram os seus discípulos: "Senhor, salva-nos, pois estamos perecendo!"

            Jesus nos conhece profundamente e sabe das nossas fraquezas, das nossas limitações e da nossa parca fé. Ele nos reconhece como filhos dependentes de seus cuidados e proteção, e por isso está pronto para nos socorrer quando o invocamos.

            Porém, o evangelista Mateus nos incita a sermos corajosos, fortalecidos na fé. Somos chamados à atenção para que sejamos seguidores de Cristo e que, à sua semelhança, nos levantemos! Esse "levantar" subentende ação, sair do comodismo. Não ficar esperando tudo cair do céu como uma refrescante chuva de verão. A lei do menor esforço, sem sacrifício algum de nossa parte não existe. 

            A vida terrena de Jesus foi permeada de altos e baixos. Ele experimentou as grandes tempestades e a calmaria... Venceu tudo e todos, pois ressuscitou dos mortos. Está no meio de nós, carregando conosco a nossa cruz, e nos alerta todos os dias para que sejamos seus discípulos, seguidores e missionários.

            Irmãos e irmãs, sabemos que neste mundo enfrentaremos muitas  tempestades, elas fazem parte da vida. Seguremos, pois, nas mãos de Deus e relembremos a unção do Espírito Santo em cada um de nós, para que possamos gozar da divina misericórdia em nossas vidas, como seus filhos.

            "Então, levantando-se, ameaçou os ventos e o mar, e fez-se uma grande calmaria." Ele é o nosso amparo, a nossa única e verdadeira bússola nos mares da vida. Toda a honra, louvor e glória a Jesus, para sempre. Amém, aleluia!

            Abraços fraternos.

            Nancy – professora

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário