BOM DIA

BEM VINDOS AOS BLOGS DOS

INTERNAUTAS MISSIONÁRIOS

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS, MAS RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES. CRISTÃS OU NÃO.

CATEQUESE PELA INTERNET

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PESQUISAR NESTE BLOG - DIGITE UMA FRASE DE QUALQUER EVANGELHO

17 de jun de 2011

A morte de João Batista - Sal

Ano A - Dia: 30/07/2011

Herodes tinha mandado prender João

Mt 14,1-12

            João Batista, foi o último profeta, que morreu por ter denunciado o mal no mundo, o mal causado por Herodes, pelo seu abuso de poder, pelo seu egoísmo.

            Também somos egoístas, queremos o melhor para nós. Queremos sempre mais para a nossa pessoa, e às vezes é custe o que custar. Será que nunca fomos um pouquinho como  Herodes? Pegando para nós algo ou alguma pessoa que pertencia a um irmão ou a uma irmã?  Será que nunca passamos "a rasteira" ou "puxamos o tapete" de alguém só porque ele ou ela está sendo mais eficiente do que nós?  Você que é líder, patrão, chefe, será que nunca fez uso do seu poder para humilhar, para se aproveitar, para abusar, para enriquecer mais, para levar vantagem, para se tornar mais importante, para eliminar ou deixar fora de combate um rival, em fim, para ser mais injusto e pecador? 

            A filha de Herodíades  de certa forma se prostituiu se exibindo para o poderoso em troca de um favor. Sabemos dos vários tipos de prostituição existentes em nossa sociedade. E também sabemos que nem sempre a prostituição é direta, ou seja, a venda ou aluguel do próprio corpo feminino ou masculino. Mas também, a venda dos próprios princípios, ou das suas convicções. Aquele jornalista que passou a defender o fazendeiro que com a sua agroindústria da cana, estava poluindo todos os mananciais de água daquela região, em troca de favores e dinheiro. Aquela moça, jovem e bonita,  que usou da sua sensualidade para subir na vida!

            Certa vez, quando trabalhei em uma firma de venda de seguros, lá havia uma vendedora campeã de vendas em todas as regiões. Era um caso de e se admirar, ela era apresentada em todas as reuniões como exemplo a ser seguido por todos nós, que capengávamos gastando a sola dos sapatos  conseguindo  poucos frutos pelo suado esforço. Acontece que aquela vendedora  era de uma beleza e de uma sensualidade fora do comum. Foi então que saiu o boato de que ela usava o seu charme com tudo que tinha direito para conseguir as vendas.  Não sei se foi verdade, ou comentários de outras vendedoras movidas pela inveja daquela  jovem de beleza espetacular.   

            Erodes na sua demonstração de poder, abusa desse mesmo poder por várias vezes. Tomando a mulher do outro, oferecendo o que a dançarina pedisse para  exibir a sua sensualidade diante dele em requebros eróticos para alimentar a sua fantasia, e depois mandando executar um homem santo que o havia denunciado sem medo. Aliás, "embaçado" pelos goles de vinho, Herodes nem se lembrou de que palavra de rei não podia voltar atrás, e ofereceu o que a dançarina pedisse. Qualquer coisa. Não pensou que ela poderia  pedir algo tão difícil. Foi uma atitude impensada para não dizer, pouco ou nada inteligente.  Aquela moça poderia ter pedido um dos seus dedos cortado, ou outro órgão qualquer em um prato... Portanto, em sua oferta "generosa", Ele deveria ter se precavido e fazer algumas restrições.

             Prezados irmãos, e prezadas irmãs. Que Deus pai em nome de Jesus nos ajude a nunca usar o poder nem a nossa sensualidade para  pecar, para prejudicar o irmão e  nos afastar de Deus. Vamos ter mais cuidado com o dia do juízo final!

Sal.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário