BOM DIA

BEM VINDOS AOS BLOGS DOS

INTERNAUTAS MISSIONÁRIOS

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS, MAS RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES. CRISTÃS OU NÃO.

CATEQUESE PELA INTERNET

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PESQUISAR NESTE BLOG - DIGITE UMA FRASE DE QUALQUER EVANGELHO

10 de abr de 2012

“PERMANECEI NO MEU AMOR”. - Olívia Coutinho



13  de maio

26 de maio de 2011
  Evangelho Jo 15,9-11
  O amor é a força que nos move! É o alimento da nossa alma!
Um coração humano, quando tocado pelo amor divino, torna fonte de luz no mundo, a tirar da escuridão, muitos corações sombrios!
Quem se abre ao amor de Deus, tem sua vida transformada!
O amor é a fonte de água viva, que irriga todo o nosso ser com uma alegria contagiante!
Quem ama, mesmo sem perceber, deixa transparecer essa alegria que transborda do coração e se estampa no brilho do olhar!
A alegria do cristão, não se resume em um sentimento superficial e inconsistente! Pelo contrário, é uma alegria duradora, consistente de origem divina, que  brota do coração, pela força do Espírito Santo!
Somos chamados a viver uma intimidade profunda com Deus, fazendo a experiência de Jesus em nossa vida, para entrarmos na profundidade do amor!
No evangelho de hoje, Jesus, em mais um de seus discursos de despedida, por ocasião de sua partida para o Pai, faz chegar ao coração dos discípulos, uma grande consolação, enchendo-os de esperança!
E essa consolação e esperança se estendem até nós, firmando em nossos corações, a mais bela certeza: fomos criados por amor e para o amor!
Jesus nos ensina algo muito valioso para nossa vivencia do dia a dia: que permaneçamos no seu amor! Permanecer no seu amor, é ser no mundo um sinal de vida,  onde a esperança se dilui! Olhemos então, para nós mesmos e para o mundo e vejamos onde estão os sinais deste amor e onde ele precisa estar presente para que haja vida!
O amor incondicional do Pai, que se revela em Jesus, merece de nós uma resposta de amor que só poderemos dar, se O enxergarmos no rosto do nosso irmão!
Não podemos esquecer nunca, que o amor desejado por Jesus, deve ser uma relação em cadeia: amar e ser amado, Jesus ama o Pai e nos ama, como o Pai o ama!  E  nós somos chamados a amar o irmão, como Ele nos ama!
A prática do amor, trazido por Jesus, nos leva a verdade que vai nos tornando livres, portadores de uma alegria interior, capaz de transformar a realidade em que vivemos!
Quando Jesus insiste para permanecermos no seu amor, é porque de fato, o amor realiza-nos, fortalece-nos, é o caminho para o céu!
 Podemos cantar, falar, ler muito sobre o amor de Deus, mas só iremos compreendê-lo verdadeiramente, se colocarmos em pratica este amor!
O amor de Deus vai se manifestando em nós, na medida de nossa obediência aos seus mandamentos, que tem como chave, o mandamento primeiro: Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a te mesmo. Quem cumprir verdadeiramente este mandamento, com certeza, cumprirá todos os outros.
A sede de um povo é conhecer o Pai e Jesus veio matar esta sede, pois quem vê Jesus, vê a face humana do Pai!
O amor do Pai é derramado em nós, pelo Espírito Santo, portanto, vamos vivenciá-lo, permanecendo no amor do Filho!
Fortalecidos pelo Pai, guiados pelo Filho e iluminados pelo Espírito Santo, viveremos aqui na terra, as alegrias do céu!

Olívia Coutinho

Nenhum comentário:

Postar um comentário